< Voltar

Tendências para 2024: o que muda, o que aumenta, o que se mantém

Novo ano, novas cores, novas texturas e novos ambientes

 

Viradas de anos trazem consigo sempre uma série de novidades. Há o que se mantém, o que aumenta, o que diminui e o que muda completamente como uma virada de chave. É possível notar, para o próximo ano, algumas tendências que abrem espaço para a exploração dos entusiastas da área de decoração.

Minimalismo x exuberância

A constância do minimalismo no leque de tendências é inegável. Embora esteja sempre em alta na moda, em 2024 haverá uma revitalização em termos de designs mais acolhedores com texturas suaves e tons terrosos, além dos móveis com linhas limpas. Em busca de um cenário mais sóbrio e calmo, está o foco em proporcionar um ambiente que fuja da agitação cotidiana.

Àqueles que estiverem de olho em uma composição mais ousada e afastada do minimalismo, a paleta de cores para o próximo ano conta também com tons vivos e saturados, passando por azuis profundos, vermelhos quentes até amarelos vivos e verdes chamativos. Diferentemente de épocas passadas, a tendência não alcança somente leves detalhes, mas espaços e objetos com maior força no ambiente, como móveis e paredes.

Sustentabilidade e materiais artesanais

Fonte: ArchDaily

Em termos de sustentabilidade, é evidente que tal aspecto já não mais se configura como um potencial, mas sim como uma demanda. Nesse sentido, à medida em que a consciência ambiental cresce de forma significativa, cresce, naturalmente, a demanda por espaços mais sustentáveis e a tendência central dos profissionais da área em entregar projetos que adotem materiais sustentáveis e que promovam espaços ecologicamente corretos.

Aqui, aliando a preocupação com o meio ambiente à busca pela qualidade de vida e ambientes sofisticados, temos como resultado padrões inspirados na conexão dos espaços com a natureza e a sensação de tranquilidade sem se perder do luxo.

Outras fortes tendências são os materiais artesanais e orgânicos, como móveis feitos à mão e têxteis naturais. Isso porque há uma constante e crescente procura pela criação de ambientes autênticos e personalizados com elementos que transmitam personalidade e caráter.

Estilo e nostalgia

Fonte: ArchDaily

Nesse sentido, estará também em alta a sensação nostálgica presente nos estilos retro e vintage inspirados nas décadas dos anos 60, 70 e 80. Essa sensação refletir-se-á em móveis com designs clássicos, estampas diversas e cores das respectivas épocas. Há, ainda, a possibilidade de criar um cenário que una tal aspecto a outros que se enquadram também como tendências.

Espaços e tecnologia

Fonte: ArchDaily

Para além dos estilos, cores, texturas e demais particularidades, temos os espaços multifuncionais e a tecnologia integrada melhor desenvolvida. Este último, por sua vez, continuará a desempenhar um papel importante e funcional nos interiores; como a automação residencial que seguirá permitindo o controle da iluminação, segurança e temperatura, por exemplo, sem, no entanto, comprometer a estética da casa.

Quanto aos espaços multifuncionais, foi a partir das crescentes demandas e das novas necessidades das pessoas que tal aspecto passou a se configurar como uma das mais fortes tendências nos novos projetos. Para alcançar soluções mais versáteis, os designers estão criando ambientes diversos que podem se adaptar a diferentes usos.

O que se pode esperar, para 2024, de forma geral, é um leque de possibilidades que atendem os gostos diversos, bem como o desenvolvimento de tendências que já mostraram que vieram para ficar.

Conheça este imóvel que acompanha algumas tendências para o próximo ano!

Casa recém-reformada com projeto sustentável

 

ARTIGOS
RELACIONADOS

O vídeo destaque dessa semana é uma casa no condomínio Jardim Pignatari com projeto de João Armentano no Morumbi. Possui paisagismo de Gilberto Elkis, ambientes amplos e iluminados, ampla área verde, além de jardim, piscina e adega. Confira os detalhe no vídeo e conheça mais sobre esse imóvel na Esquema…

Confira nossas dicas para criar uma decoração natalina com a cara do verão brasileiro, cheia de frescor e criatividade   A decoração de Natal tem diversos elementos que remetem aos países do hemisfério norte, onde é inverno no mês de dezembro. O Papai Noel com roupas aconchegantes, as renas e…

Conheça os benefícios de incorporar em sua casa elementos que permitam a entrada de luz natural   A maioria das pessoas passa cerca de 85% de seus dias em ambientes internos (casa, escritório, escola, lojas, restaurantes). Quais são os efeitos disso na saúde humana? A baixa exposição à luz solar…

Na arquitetura, a busca por otimização e fruição dos espaços tem levado, cada vez mais, ao aproveitamento dos telhados ou rooftops   A arquitetura está sempre buscando novas formas de utilizar e reinventar os espaços. Principalmente nas grandes cidades, essa busca pelo melhor aproveitamento dos ambientes se reflete em soluções…

O arquiteto João Armentano e os sócios-diretores da Three, Francesco Rivetti e Carlos Tonanni, falam sobre o mais novo empreendimento da incorporadora   Os hábitos de consumo, principalmente no que diz respeito a imóveis, evoluem com o passar do tempo. Para o consumidor dos dias de hoje, a prioridade é…

Um dos mais sustentáveis do mundo, o edifício criado por Koichi Takada eleva o conceito de floresta urbana a um novo patamar   O projeto mais recente do conceituado estúdio Koichi Takada Architects, concebido para o distrito cultural de Brisbane, na Austrália, prevê a construção de um edifício realmente excepcional….

Em busca de uma vida mais saudável? Confira nossas dicas para montar sua própria academia e se exercitar em casa   Criar uma academia de ginástica dentro de sua própria casa pode ser uma forma de melhorar a saúde de toda a família. Além da conveniência e da praticidade de…

Minimalismo, integração, funcionalidade e conforto são algumas das características de projetos arquitetônicos inspirados nessa região europeia   São poucos os povos que incorporam em seus projetos arquitetônicos, de forma tão natural, características como minimalismo, modernismo e funcionalidade, quanto os escandinavos. Acostumados, durante séculos, a lidar com os mais diversos conflitos,…