< Voltar

Arquitetura e design de interiores: inspirações para o inverno

Como preparar a sua casa para os dias frios

 

As estações do ano designam quatro períodos com características distintas, cada qual com seus padrões ou variações climáticas. Junto a essas mudanças, vem também uma série de comportamentos e predileções específicas das pessoas que correspondem a essas diferentes estações.

Com a chegada do inverno, por exemplo, em que as temperaturas começam a despencar, nota-se uma forte inclinação para o recolhimento, bem como a alta busca pelo que remete o aconchego e o abrigo. Nesse sentido, vê-se uma tendência de as pessoas optarem por programas mais reclusos e caseiros, aproveitando a estação mais fria do ano em ambientes mais acolhedores, principalmente em seus respectivos lares.

E como os aspectos de uma casa podem contribuir para uma atmosfera mais agradável no inverno? É aí que a arquitetura e o design de interiores revelam as suas importâncias para não somente as questões estéticas, mas sim, também, para a experiência com o ambiente como um todo.

Como transformar os espaços de uma casa?

Em países como o Brasil, em que na maior parte do tempo convivemos com climas quentes, muitas vezes as construções não são preparadas para temperaturas mais baixas. É muito mais comum, por exemplo, estratégias que buscam garantir o resfriamento dos ambientes, devido às nossas características climáticas tropicais, do que o planejamento para as frentes frias.

Quanto a isso, nota-se que a calefação e o isolamento não se mostram sempre presentes nas casas, dificultando o conforto térmico interno. Quando uma construção responde ao clima de onde estão localizadas, as adaptações são mais simples.

No entanto, em lugares com variações mais abruptas, em que as temperaturas contam com oscilações mais intensas de frio acentuado e forte calor, é muito importante um preparo arquitetônico e de design de interiores mais minucioso, como a implantação de paredes isolantes, lareiras, pisos acarpetados, entre outros.

Arquitetura e design de interiores: estratégias para o inverno

Uma possibilidade que pode contribuir com a criação de espaçosos mais harmônicos com a chegada das baixas temperaturas é o equilíbrio entre materiais de revestimento interno. Aqui, alternar revestimentos frios, como cerâmicos, pedras polidas, porcelanatos e cimentados, com revestimentos quentes, como madeiras, vinílicos e laminados, pode ser uma solução.

Revestimentos frios costumam ser utilizados em áreas suscetíveis à umidade, mas costumam estar presentes, também, em ambientes internos, como em áreas de estar, quartos e salas. Isso porque a manutenção e a limpeza são mais simples. No entanto, da mesma forma que, no verão, esses materiais conferem aos espaços um ar de frescor, no inverno agravam a sensação de frio dentro da casa.

Os revestimentos quentes, por sua vez, quando utilizados nas áreas íntimas e nas áreas de estar, transformam a atmosfera dos ambientes, trazendo, durante os meses mais frios do ano, mais aconchego e conforto térmico para os moradores.

Soluções temporárias

Em lugares em que o clima é predominantemente mais quente, os pisos escolhidos costumam contribuir com o resfriamento dos ambientes. É natural, portanto, que no inverno se busque soluções temporárias para amenizar tal aspecto.

Nesse sentido, tapetes peludos, de sisal ou de outros materiais quentes, por exemplo, são excelentes alternativas para evitar o contato direto da pessoa com o chão frio. Colocá-los sob as camas, poltronas, mesas e sofás trará um maior conforto térmico para os ambientes internos.

Além disso, objetos de fácil deslocamento costumam ser alvos dessas soluções temporárias. Mantas, almofadas, cortinas e aquecedores de tomada são outras estratégias para tornar as áreas mais acolhedoras e confortáveis. Da mesma forma, as texturas desses objetos, que contribuem com a harmonização climática dos ambientes, como veludos, feltros e pelúcias.

Outro elemento para uma solução imediata é a iluminação secundária. Optar por luzes amareladas, como em lustres e abajures, confere ao espaço maior conforto e intervém diretamente na sensação climática do indivíduo. Ainda com o visual, pensar em cores mais fortes pode também trazer uma atmosfera mais calorosa aos ambientes. Aqui, investir em elementos em cores mais quentes e terrosas pode ser outra alternativa, como almofadas laranjas, mantas em vermelho queimado ou até mesmo um quadro com tons de caramelo e cobre.

Melhor do que fugir do frio é preparar a sua casa para ele!

Quer conhecer mais sobre espaços incríveis para o inverno? Conheça as vantagens de se ter uma sauna em casa e seus principais cuidados necessários em nossa matéria Sauna em casa: conforto e relaxamento

ARTIGOS
RELACIONADOS

Com mais de 40 anos de carreira, arquiteto brasileiro atua também como cenógrafo, designer de mobiliário e cineasta   Nascido no ano de 1952, o arquiteto Isay Weinfeld é formado pela Universidade Presbiteriana Mackenzie e ficou reconhecido no Brasil pelos seus grandes projetos de arquitetura. O profissional mantém seu escritório…

No aniversário da capital paulista, conheça um pouco mais sobre a arquitetura residencial da cidade, com obras de Oscar Niemeyer, Paulo Mendes da Rocha, Lina Bo Bardi e Artacho Jurado   No dia 25 de janeiro de 2022, a cidade de São Paulo comemora seu aniversário de 468 anos. Ao…

Em busca de uma vida mais saudável? Confira nossas dicas para montar sua própria academia e se exercitar em casa   Criar uma academia de ginástica dentro de sua própria casa pode ser uma forma de melhorar a saúde de toda a família. Além da conveniência e da praticidade de…

A conscientização em relação ao meio ambiente e à sustentabilidade vem crescendo cada vez mais nos últimos anos, impactando até mesmo as incorporadoras. Atualmente, o Brasil está entre os países que mais investem em construções sustentáveis com a certificação LEED (Leadership in Energy and Environmental Design) no mundo, ocupando a…

Em tempos de isolamento social, nunca foi tão evidente a necessidade de morar em casas ou apartamentos que ofereçam conforto e bem-estar   Com a pandemia do Covid-19, a recomendação de que todos ficassem em suas casas provocou uma mudança comportamental profunda no mundo inteiro. Afinal, mesmo aqueles que não…

Conversamos com o arquiteto Sergio Athié sobre as tendências e as novas funções dos espaços nos escritórios, com o retorno gradual das atividades presenciais   A flexibilização da quarentena e o início da retomada das atividades presenciais por alguns setores trouxeram uma questão que merece cuidado: a adequação dos ambientes…

7 tendências sustentáveis em 2023   A sustentabilidade vem se mostrando cada vez mais uma preocupação genuína das pessoas, como demonstra o dado de que 74% dos brasileiros afirmam se considerarem consumidores ambientalmente conscientes. Na construção civil, os green buildings, edifícios verdes, mostram-se forte tendência principalmente pela diminuição significativa de…

Celebrando o Dia dos Pais, saiba como criar uma área especial na sua casa, dedicada ao lazer dessa pessoa tão importante na família   Com a chegada do Dia dos Pais, é comum uma busca pelo presente perfeito para esse homem tão importante na vida de tantas pessoas. Mas e…