< Voltar

Quotidiano – Dia 48

Querido diário,

“A criatividade é a inteligência se divertindo”

Esses dias de quarentena parecem se arrastar, não é mesmo? Ainda mais para aqueles que aguardam ansiosamente o relaxamento das medidas de isolamento social. Mas há também os que têm aproveitado esse “respiro” na rotina de compromissos incessantes e horas perdidas no trânsito para pensar, criar, inovar, aprender, experimentar…

Uma nova receita na cozinha, uma sequência diferente de exercícios, um livro que estava na estante há anos, um curso que você sempre quis fazer… Até mesmo uma ideia que você nunca tinha tempo de desenvolver no trabalho, mas que agora tomou corpo.

Momentos de crise, como este, causam choque, mas também geram mudanças de hábitos. “Você aciona a criatividade, o pensar além. Você tem de pensar em soluções que nunca pensou antes, e muitas vezes algo que levaria anos é feito em duas semanas”, explicou a economista comportamental Flávia Ávila, em entrevista ao jornal O Estado de S. Paulo.

Vale a pena parar e se perguntar: qual vai ser o nosso saldo, pós-pandemia? Será que ele vai ser positivo ou negativo? Fica a reflexão.

Bem, diário, hoje também foi dia de treinamento para a nossa equipe! Os corretores Ricardo Breda (que é formado em arquitetura) e Fernando Oliveira fizeram uma pequena palestra via Zoom para falar sobre estilos arquitetônicos, características e seus representantes. Assim, nosso time pode ficar ainda mais preparado para conversar com os clientes sobre os extraordinários imóveis que estão no portfólio da Esquema – muitos deles projetos de arquitetos renomados.

 

 

Não esqueçam também de participar da nossa live no Instagram, amanhã, com a cientista comportamental Flávia Lippi. Com certeza vai ser muito interessante e trazer diversos insights sobre as possíveis mudanças de comportamento das pessoas por conta da pandemia.

 

 

E, na semana que vem, mais novidades: estamos a todo o vapor com os preparativos para o lançamento da nossa nova websérie, Home Staging – Criando Cenários, na próxima terça-feira, dia 12 de maio. A live da segunda-feira, aliás, será com a home stager Fernanda Genthon, nossa parceira nessa nova série e responsável pelo staging de uma de nossas exclusividades, no Jardim Europa:

 

 

Dica do dia

Já faz algum tempo que não postamos nada especificamente para as pessoas que estão com crianças em casa (filhos, irmãos, sobrinhos, enteados, etc.). Como estamos na semana do Dia das Mães, nada mais adequado do que dar a elas alguns momentos de sossego e descanso.

Recentemente, o site Teresa Perez Tours compartilhou algumas dicas de brincadeiras infantis que envolvem apenas a criatividade e a imaginação, para tirar os pequenos da frente da TV ou do celular.

São aquelas brincadeiras da nossa infância, que eram populares antigamente, antes da tecnologia tomar conta das nossas vidas. Então aqui vão algumas dicas de atividades não digitais que as crianças podem fazer para se divertirem, enquanto ainda durar o isolamento:

Esconde-esconde – Essa funciona bem em qualquer local, mas, quanto maior a casa ou apartamento, mais lugares a criança tem para se esconder.

Amarelinha – Para quem tem um pedaço de quintal ou garagem onde possa desenhar com giz no chão, essa brincadeira é perfeita. Faz as crianças exercitarem o equilíbrio e a coordenação, pulando nas “casas” e pegando as pedrinhas.

 

 

Pular corda – Essa também precisa de um local um pouquinho mais espaçoso… Não dá pra fazer na sala de casa, derrubando os objetos ao redor. Pode ser uma corda individual ou uma maiorzinha, que duas pessoas seguram e outra pula.

Bolha de sabão – Principalmente para as crianças menores, é uma brincadeira super simples que pode mantê-los entretidos por horas. Se quiser fazer uma competição, dá pra ver quem faz as maiores bolhas.

Elefante colorido – A clássica brincadeira consiste em alguém falar: “elefante colorido”. As outras pessoas respondem: “que cor?” e o comandante fala alguma cor. Todos precisam encontrar objetos naquela cor, o mais rápido possível. O último a tocar no objeto da cor escolhida perde.

Passa anel – Outro clássico, a brincadeira consiste em passar um anel de mão em mão (com as mãos dos participantes fechadas em forma de prece). A pessoa com o anel deixa o “prêmio” cair nas mãos de alguém, sem que os outros vejam. Daí, é preciso adivinhar com quem ficou o anel.

 

Dica Coronavírus

Enquanto os trabalhos para desenvolver uma vacina contra o Covid-19 continuam, uma equipe de pesquisadores da Universidade de Utrecht, na Holanda, reportou a descoberta de um anticorpo capaz de se anexar às proteínas na superfície do vírus, evitando que ele infecte as células.

De acordo com o estudo publicado no jornal Nature Communications, o anticorpo em questão é totalmente humano, embora até o momento as experiências tenham sido desenvolvidas apenas em culturas de células. Mais testes ainda precisam ser feitos antes que o anticorpo neutralizador possa ser utilizado para efetivamente combater o coronavírus.

O SARS-CoV-2 (que causa o Covid-19) faz parte do mesmo grupo de vírus responsáveis pelo surto de SARS entre 2002 e 2003; por isso, os pesquisadores começaram os experimentos investigando 51 anticorpos que funcionaram no combate aos vírus anteriores da mesma família. O fato de terem sido testados em células humanas já é um grande avanço para agilizar o processo de criação de uma vacina.

 

Recém-adicionado

 

https://www.esquemaimoveis.com.br/imovel/casa-residencial-venda-sao-paulo-jardim-paulista-3dormitorios-3suites-2vagas-300m2/EI13522

 

Exclusividades

 

https://www.esquemaimoveis.com.br/imovel/casa-residencial-venda-sao-paulo-jardim-europa-4dormitorios-2suites-7vagas-900m2/EI2296

 

https://www.esquemaimoveis.com.br/imovel/casa-terrea-venda-sao-paulo-city-butanta-3dormitorios-3suites-3vagas-295m2/EI16015

 

 

ARTIGOS
RELACIONADOS

Respire, repense, reajuste, recomece… Quantas vezes for preciso. É isso que temos tentado, diário, a cada manhã. Hoje, tivemos nossa segunda reunião de vendas digital, pela plataforma de videoconferências Zoom. Foram 57 participantes, unindo mais uma vez a equipe que se encontra fisicamente distante. Quem iniciou a conversa foi Marco…

Mais uma semana começa, diário. E como estamos nos sentindo? Não tem resposta certa para essa pergunta. Só o que podemos fazer é observar nossos sentimentos, aceitando quando não dá pra evitar os pensamentos negativos e abraçando os positivos (sempre!), para que possamos nos manter conectados a eles. Há poucos…

Olá, diário. “A vida não fica mais fácil ou compreensiva; nós é que ficamos mais fortes e mais resistentes.” A frase do autor norte-americano Steve Maraboli é perfeita para ilustrar como a nossa mudança parte de dentro. Mais uma semana chega ao fim. Caminhamos em frente, tropeçamos algumas vezes e…

Querido diário, A palavra “medo” tem sido uma das que mais aparecem nas redes sociais de todo o mundo, desde o início da pandemia do coronavírus. Ao lado de “tristeza” e “esperança”, essa palavra indica o quanto vivemos em uma “cultura do medo”. De acordo com o sociólogo Frank Furedi,…

As coisas não param, diário. Mesmo parecendo que a vida passa em um ritmo diferente, agora que estamos em casa durante a quarentena, tentamos manter nossas rotinas e trabalhar todos os dias para superar esta fase da melhor forma possível. Hoje, com um número impressionante de participantes (65 colaboradores, tanto…

Bom domingo, diário! Ah, que vontade de sair de casa e passear um pouco ao ar livre, não é mesmo? Mas vamos segurar mais um pouquinho essa ansiedade, porque logo a quarentena chega ao fim. Tudo o que precisamos é de um pouco mais de paciência… e consciência. Enquanto esperamos…

Oi, diário! Mais um final de semana chegou e sobra aquele tempinho pra descansar, ver um filme, ler um livro, testar uma nova receita na cozinha… Ou simplesmente sentar em um cantinho da casa onde pega sol e ficar com as pessoas queridas, apenas curtindo a companhia delas. Também sobra…

Nós sempre pensamos que as coisas vão ser permanentes em nossas vidas. Se estamos bem, o desejo de que dure para sempre é natural. Mas, quando as coisas não andam do jeito que planejamos, a sensação é de que o período difícil nunca vai terminar. Mais ou menos como temos…