< Voltar

Sustentabilidade: realidade que veio para ficar

7 tendências sustentáveis em 2023

 

A sustentabilidade vem se mostrando cada vez mais uma preocupação genuína das pessoas, como demonstra o dado de que 74% dos brasileiros afirmam se considerarem consumidores ambientalmente conscientes.

Na construção civil, os green buildings, edifícios verdes, mostram-se forte tendência principalmente pela diminuição significativa de impactos ambientais a pela melhora na qualidade de vida dos usuários.

É notável, nos últimos anos, uma nova postura das pessoas em relação à sustentabilidade: não se trata mais somente de um cumprimento de regulamentos, mas sim de uma nova visão da importância da preservação do meio-ambiente e como, da mesma forma, a natureza nos responde com benefícios em relação à nossa qualidade de vida e bem-estar.

Eficiência energética

Priorizar um projeto passivo com a maximização do uso da luz e ventilação naturais é um dos marcos no design sustentável. Tais técnicas são fundamentais para soluções econômicas e ecológicas que atribuem, inclusive, fortes diferenciais e valor ao empreendimento.

Tecnologia inteligente

Aliado à eficiência energética, a tecnologia inteligente integra recursos que conferem maior efetividade às crescentes necessidades dos moradores. Sistemas automatizados de iluminação, de aquecimento e de resfriamento, por exemplo, são ferramentas cada vez mais priorizadas em projetos de edifícios.

Economia em materiais e infraestrutura verde

A economia circular é uma tendência que busca a minimização do desperdício a partir da reutilização de materiais e do design de desmontagem. A incorporação de elementos que remetam à natureza, como pavimentos permeáveis, jardins de chuva e telhados verdes, cria ambientes contrastantes ao urbano, o que confere aos espaços diferentes benefícios, desde o conforto estético até o conforto térmico, por exemplo.

Upcycling e reutilização adaptável

Upcycling e reutilização adaptável são tendências que buscam a redução do desperdício e demanda por novos recursos por meio da reutilização de edifícios e materiais existentes.

Materiais saudáveis

Quando pensamos no bem-estar, não podemos deixar de fora a composição dos materiais utilizados. Em 2023, uma das maiores apostas é na seleção de materiais com baixo impacto ambiental e que emitam menos compostos orgânicos voláteis (VOCs), priorizando, portanto, a qualidade do ar interno e um design harmonizado com a preocupação com a saúde dos ocupantes.

Edifícios com ZNE

Os edifícios de energia líquida zero (ZNE) são estruturas que, por meio de fontes renováveis, geram energia da mesma forma que a consomem. Esse balanço energético líquido zero é uma das mais importantes inovações sustentáveis e vem se mostrando, cada vez mais, um dos grandes atrativos àqueles que buscam soluções de ponta.

Construção modular e redução da pegada de carbono

Para além da minimização do desperdício, os métodos de construção modulares mostram forte capacidade de redução do tempo de construção e melhoria na sustentabilidade geral, garantindo eficiência construtiva e gestão ambiental.

A conscientização sobre o impacto do ambiente construído nas mudanças climáticas traz uma preocupação com a redução das pegadas de carbono, bem como a avaliação do ciclo de vida.

Design biofílico

O design biofílico, desde a pandemia, vem se mostrando cada vez mais presente nos projetos a partir da incorporação de elementos naturais, desde plantas a recursos hídricos e luz natural. Aqui, investe-se na criação de espaços que promovam forte conexão entre as pessoas e a natureza dentro do ambiente construído, aumentando o bem-estar e a produtividade.

Em um mundo cada vez mais preocupado com o meio-ambiente, é importante que o seu morar também seja sustentável.

Conheça o Bioma Itaim, um exemplo de sustentabilidade!

ARTIGOS
RELACIONADOS

Como os espaços podem influenciar a sensação de pertencimento   A NeuroArquitetura e o NeuroUrbanismo são conceitos que dependem da aplicação da neurociência para a compreensão dos impactos da arquitetura tanto no cérebro como nos comportamentos humanos. É a partir de seu caráter interdisciplinar, por exemplo, que a NeuroArquitetura institui…

O arquiteto, grande admirador do modernismo brasileiro, traz em seus projetos forte relação entre espaços internos e externo, conforto climático e aplicação de elementos tradicionais da arquitetura brasileira. Marcio Kogan traz o amor por prédios e pela arquitetura de família, é filho do engenheiro Aron Kogan, conhecido por projetar e…

Seja para fazer um upgrade no seu atual closet ou para projetar um novo espaço, selecionamos algumas ideias para inspirar mudanças   Remodelar a área do closet, para ganhar mais espaço de armazenamento ou simplesmente torná-lo mais bonito, é uma tarefa que requer alguma inspiração – e, se possível, um…

As corretoras Renata Castro, Roseane Sanches e Katia Frazza falam sobre edifícios clássicos do bairro, que marcaram a história do modernismo   Higienópolis é um dos bairros paulistanos com maior tradição em arquitetura, abrigando edifícios icônicos do modernismo brasileiro. Sem perder suas características ao longo das décadas, a região possui…

Casas projetadas pelo arquiteto continuam extremamente atuais e chamam a atenção pela integração dos ambientes com a natureza   “Se a reta é o caminho mais curto entre dois pontos, a curva é o que faz o concreto buscar o infinito.” – Oscar Niemeyer O Brasil tem inúmeros arquitetos extremamente…

Livia Pedreira, presidente do conselho curador da CASACOR São Paulo, fala sobre a mostra no Conjunto Nacional, que traz o tema ‘Infinito Particular’   Comemorando seus 35 anos de existência, a CASACOR 2022 já está com seus ambientes abertos no Conjunto Nacional, em São Paulo. Este ano, o evento, que…

Um dos arquitetos mais reconhecidos internacionalmente, pertencente à geração modernista, assumiu nas últimas décadas uma posição de destaque na arquitetura contemporânea   Paulo Mendes da Rocha, junto com João Batista Vilanova Artigas, encabeçou a chamada Escola Paulista da arquitetura brasileira. Ambos elevaram a Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade…

Saiba como o movimento modernista, com suas características marcantes, continua inspirando projetos arquitetônicos contemporâneos   Os estilos e movimentos arquitetônicos tendem a acompanhar as revoluções artísticas, culturais e sociais. No caso do modernismo, seus conceitos básicos surgiram na Europa, nas primeiras décadas do século 20, e acabaram impactando diversos países…