< Voltar

Condomínio de casas, um oásis em meio à cidade

O arquiteto João Armentano e os sócios-diretores da Three, Francesco Rivetti e Carlos Tonanni, falam sobre o mais novo empreendimento da incorporadora

 

Os hábitos de consumo, principalmente no que diz respeito a imóveis, evoluem com o passar do tempo. Para o consumidor dos dias de hoje, a prioridade é morar com qualidade de vida, sem abrir mão da praticidade. Nesse sentido, os condomínios de casas são uma forma de fugir da correria da cidade, com muita segurança. Empresas na área de desenvolvimento imobiliário já estão atentas a essas demandas, adequando seus produtos para as necessidades do mundo contemporâneo. Essas foram as considerações da Three, quando idealizou o empreendimento Panorama.

Com arquitetura de João Armentano e paisagismo de Daniel Nunes, o condomínio de 11 casas tem uma localização reservada, mas com fácil acesso à Ponte Cidade Jardim. “Estamos sempre em busca de áreas bacanas, para desenvolvimento de novos empreendimentos. Quando vimos esse terreno, com todo o potencial de vista espetacular, somado a algumas restrições do bairro no que diz respeito à ocupação, surgiu esse conceito, de fazer um produto em estilo townhouse ou loft. Então chamamos João Armentano, um nome conhecido na arquitetura por desenvolver lofts e conceitos diferentes de moradia”, explica Francesco Rivetti, sócio-diretor da Three. Segundo ele, o projeto se inspirou na arquitetura de cidades como Nova York e Londres. “Acreditamos que João seria muito adequado para esse empreendimento, por ser realmente um arquiteto inovador e que conseguiria traduzir o que estávamos buscando.”

 

O projeto arquitetônico do Panorama se inspirou nos conceitos de townhouse e loft

 

 

De acordo com João Armentano, o envolvimento de seu escritório com o projeto Panorama partiu de uma grande admiração mútua entre ele e a desenvolvedora. “A visão e o conceito de viver, de morar e habitar a cidade, naturalmente aproxima nosso projeto aos produtos da Three. A partir dessa afinidade e dessa visão comum, de projetos e sonhos, é que essa parceria rende seus melhores frutos: para o morador das belíssimas casas e também para a cidade”, afirma o arquiteto.

Para Armentano, o conceito principal é sempre o de morar bem, de buscar a casa perfeita, que atenda ao conforto e também às mais diferentes necessidades de cada família. No Panorama, a proposta foi trazer, ao mesmo tempo, a calma e a tranquilidade da integração casa-jardim, mas com o máximo de racionalização e tecnologia para acompanhar as transformações do mundo, cada vez mais rápidas. “Destacamos a casa como um ambiente moderno, amplo e integrado, que não abre mão do conforto, da claridade e da luz natural proporcionada por uma grande ‘vitrine-jardim’. O projeto também prioriza a criação de um espaço contemporâneo, conciso e muito bem organizado, que não permite o desperdício, acompanhando o conceito da casa e do condomínio e refletindo um estilo de viver atual e prático”, ressalta.

 

Com ambientes integrados, o projeto dialoga com a natureza, mas sem deixar de lado a tecnologia

 

 

“O Panorama está em um bairro de que gostamos muito e onde temos atuado: Cidade Jardim, na divisa com o Jardim Guedala, que compõem uma mesma mancha de casas de alto padrão e que agora estão passando por essa transformação, de casas mais antigas, com terrenos muito grandes, para condomínios contemporâneos, mais atuais como propostas de moradia”, salienta Carlos Tonanni, sócio-diretor da Three.

Conforme observa Tonanni, esse novo conceito de moradia considera os núcleos familiares um pouco menores do que eram antes, já que a maioria das pessoas, atualmente, têm um a dois filhos. “O condomínio atende à demanda por essa nova moradia urbana, de famílias em que ambos do casal trabalham, por isso precisam ter mais tempo livre. A casa tem que ‘pesar menos’, por assim dizer, no dia a dia. Além disso, hoje a tendência é não ter muitos funcionários, por conta da facilidade de viajar ou da possibilidade de ter um imóvel fora da cidade, então as pessoas ficam menos em casa aos finais de semana”, diz.

Nesse contexto, a questão mais importante se torna a praticidade da manutenção do imóvel, assim como a segurança que o condomínio traz para alguém que deseja sair de um prédio e ter acesso a uma área externa, mas também tem receio de optar por uma casa de rua. Rivetti acrescenta que, além da estrutura do condomínio (segurança, limpeza, manutenção), que vem de encontro às necessidades do público contemporâneo, esse é um perfil de imóvel com bastante demanda, no mercado atual, o que traz boa liquidez e também bons preços.

 

Projetos como o Panorama permitem o acesso a uma área externa, mas com a segurança de um condomínio

 

 

“O empreendimento é voltado a famílias que querem morar em um bairro próximo às melhores escolas de São Paulo, a dez minutos da Ponte Cidade Jardim e de todo o eixo da Faria Lima. Ao mesmo tempo, quando você vai para casa, sai um pouco dessa loucura da metrópole, em um lugar com uma vista privilegiada, muito verde, passarinhos… sem abrir mão de facilidades, como o Shopping Cidade Jardim, supermercados e clubes, como o Paineiras”, observa Rivetti.

O sócio-diretor da Three destaca ainda as soluções inovadoras desse projeto moderno e sustentável, planejado cuidadosamente, desde a qualidade dos materiais até a caixilharia. “O Panorama tem gerador de energia para 100% do projeto, uma segurança extremamente bem pensada, uma academia exclusiva para os moradores do condomínio, um jardim incrível de quase 1.000 m2, além de uma piscina sensacional – tudo com muita exclusividade, para um número reduzido de famílias”, aponta.

 

O condomínio conta com academia equipada, exclusiva para os moradores

 

 

A piscina de raia, com 25 m de extensão, é um dos itens de lazer do Panorama

 

 

Na opinião de Armentano, o maior desafio foi conciliar o espaço físico de uma residência aos diferentes conceitos que o “viver” assume nos dias de hoje. “Em um mesmo espaço, a família mora, trabalha estuda, descansa, cozinha e se diverte, compartilha da natureza, entre outras muitas funções. Pensar uma casa para os dias atuais, por si só, já é um desafio”, comenta. Para criar um projeto que trouxesse essas soluções aos usuários, o arquiteto se inspirou em uma linguagem arquitetônica limpa e moderna, que trouxe elementos, cores e revestimentos contemporâneos, traduzindo seu ponto forte na perenidade. “As casas foram pensadas para a atualidade, mas igualmente pensadas para continuarem sendo atuais nos próximos 10, 20, 40 ou 50 anos.”

Rivetti e Tonanni completam que, em praticamente todos projetos da Three, o objetivo é oferecer três grandes diferenciais: uma excelente localização, uma arquitetura extraordinária e uma proposta de moradia adequada à contemporaneidade, capaz de proporcionar a praticidade que a vida atual requer, sem perder a qualidade, a individualidade e a privacidade – isso tudo com um dos pores do sol mais espetaculares de São Paulo.

Confira mais detalhes sobre o empreendimento Panorama e conheça também outras casas de condomínio da Three, no Jardim Europa, Jardim Paulistano e Jardim Guedala.

 

ARTIGOS
RELACIONADOS

Descubra como paredes e detalhes arquitetônicos em pedra podem acrescentar charme e sofisticação à sua casa   As pedras estão entre os materiais de construção mais antigos utilizados pelo ser humano. Geralmente, elas são associadas a ambientes mais rústicos, como imóveis de campo. É muito comum ver pedras aplicadas em…

Confira algumas ideias para tornar o espaço gourmet de sua casa ou apartamento ainda mais acolhedor   Pensando em criar um espaço em casa onde você possa relaxar e curtir bons momentos com a família e amigos? Uma área gourmet pode ser uma excelente solução. Afinal, esse é um local…

Cidade Matarazzo, empreendimento que traz para São Paulo um conceito que integra passado, presente e futuro, unindo o que há de mais avançado no design, tecnologia e sustentabilidade   Em uma paisagem formada por prédios e ruas movimentadas, próxima a uma das áreas mais vibrantes e culturais de São Paulo,…

Entenda como a neurociência pode influenciar projetos arquitetônicos, explorando nossa atração por texturas, curvas e simetria nos espaços   Projetos que levam em consideração a influência exercida pelos ambientes sobre as emoções e os comportamentos humanos, para impactar de forma profunda a experiência dos usuários em determinados ambientes, já são…

As corretoras Renata Castro, Roseane Sanches e Katia Frazza falam sobre edifícios clássicos do bairro, que marcaram a história do modernismo   Higienópolis é um dos bairros paulistanos com maior tradição em arquitetura, abrigando edifícios icônicos do modernismo brasileiro. Sem perder suas características ao longo das décadas, a região possui…

Projetada pela escritório de arquitetura Studio Arc, a casa de veraneio localizada em Cornwall, Reino Unido, foge do convencional. Pequenina e funcional a casa é uma versão “moderna” de uma cabana no meio da floresta. Com revestimento de concreto envelhecido e decorada com peças rústicas, o projeto foi criado para…

Mantendo o charme dos prédios icônicos, o bairro se destaca por apartamentos que podem ser retrofitados para ganhar um ar moderno e atender às necessidades contemporâneas   Na realidade contemporânea, temos buscado constantemente soluções que sejam, ao mesmo tempo, inteligentes e sustentáveis. Nesse sentido, o retrofit tende a se tornar…

Com as vantagens de uma casa e toda a segurança de um prédio, as coberturas são as “queridinhas” do mercado imobiliário de alto padrão   Morar em uma cobertura (ou penthouse) é o sonho de muita gente, afinal as unidades que se encontram no topo são sempre as mais desejadas…